Como implementar um delivery no açougue - Sennda Software

Agendar certificado digital

Blog

Como implementar um delivery no açougue


delivery no açougue

20abr2021


Com as novas demandas de consumo mudando constantemente, a maioria do comércio tradicional precisou se adaptar à nova realidade do mercado.

Agora, muitas empresas optam por entregar seus produtos na casa do consumidor, garantindo assim que sua mercadoria tenha circulação.

A implementação de um delivery no açougue é uma das opções que o empreendedor pode ter para alcançar um maior número de clientes e conseguir manter seu estoque sem perdas adicionais.

Mas para implementar esse tipo de serviço, é preciso estar atento a alguns pontos importantes, e são eles:

Comece divulgando para os seus clientes

Uma forma de saber se seu público tem a necessidade de um delivery de açougue, é perguntando.

Então, pergunte, divulgue a possibilidade e veja a receptividade que eles tem a essa ideia.

Se preciso, disponibilize uma forma, mesmo que provisória, de comunicação, para que eles possam fazer os pedidos.

Com isso você vai começar a entender quais as reais demandas de produtos que seus clientes tem interesse.

Comece pequeno

Uma boa opção para quem está começando, é começar por regiões pequenas, que podem ser percorridas sem exigir um transporte muito longo.

Você pode começar entregando apenas para um determinada região no perímetro perto do seu estabelecimento, ou definir um bairro no qual os pedidos serão entregues.

Com isso, você vai ter tempo para se habituar a essa nova forma de venda.

Outro ponto a ser observado também é com relação a disponibilidade de produtos a serem oferecidos.

Você pode começar com algumas opções, e com o tempo abrir para mais opções de cortes, tipos de carne e quem sabe até, oferecer produtos já prontos para o consumo.

 

Atenção à comunicação

No início, enquanto os pedidos forem modestos, pode ser que você dê conta de atender tanto os clientes presenciais, como separar os de delivery.

Mas com o tempo, e o crescimento da demanda, talvez seja interessante ter uma pessoa específica para anotar os pedidos, assim diminuem as chances de confusão na hora de separar os pedidos.

Você pode começar a trabalhar tanto com plataformas online, como ifood, Uber Eats, ou investir em um sistema próprio de entregas.

O importante aqui, é ter uma pessoa que fique responsável por atender todos os canais disponíveis.

 

Terceirize a entrega

Para entregar produtos como carnes, é preciso estar atento a forma de transporte, já que se trata de um produto que necessita ser mantido a uma temperatura adequada.

Por isso, se você não conta com alguém na sua equipe que possa fazer as entregas, ou você mesmo, você pode optar por terceirizar esse serviço.

Com isso, você ganha tempo, economiza com os custos trabalhistas, e gera uma renda extra a pessoas que trabalham com entregas.

Defina se você vai fazer entregas a qualquer hora do dia e da semana, ou se será preciso fazer pedidos com antecedência e agendar a entrega.

Seja como for, dê bastante atenção a esse ponto, já que a qualidade do seu produto está em jogo.

 

Por fim, divulgue nas redes sociais

Após estar com toda a atividade já encaminhada, entendendo como funciona o delivery e acertando as arestas que precisaram ser tratadas, é hora de começar a divulgação.

Anuncie nas redes sociais, crie campanhas para que  mais pessoas vejam as opções do seu negócio.

Ofereça produtos específicos, e atraia cada vez mais clientes para o seu negócio.

 

Esperamos ter te ajudado com essas dicas!

Agora é hora de começar a estudar, e se preparar para implementar esse serviço no seu negócio.