Como administrar uma padaria pequena - Sennda Software

Agendar certificado digital

Blog

Como administrar uma padaria pequena


administrar uma padaria

24maio2021


Para muitos empreendedores, começar uma padaria pode apresentar alguns desafios, o primeiro deles pode ser entender como administrar de forma a trazer lucros e potencial para crescimento.

A verdade é que o ramo de panificação é bem concorrido, principalmente porque muitas padarias pequenas acabam tendo que concorrer com mercados maiores, e com isso precisam de muita organização para não falir logo no início.

Mas algumas dicas simples podem te ajudar a administrar uma padaria pequena e conseguir sua jornada empreendedora.

 

Fuja da informalidade

Primeiro de tudo, para começar qualquer negócio, a primeira dica é: Fuja da informalidade.

Para quem tem um CNPJ um mundo de oportunidades se abrem, tanto para compra de matéria prima para a produção de produtos, como para a venda para outros estabelecimentos.

Com o tempo, todo empreendedor percebe que a única forma de crescer com segurança o seu negócio, é começando correto, e a formalização é o primeiro passo.

Além de você ter diversas oportunidades de negociação com fornecedores, não corre o risco de ter problemas por falta de alvará, licenças entre outras coisas.

Por isso, procure um contador de confiança e comece seu negócio da maneira correta.

 

Separe as contas pessoais das profissionais

No inicio de um negócio, as coisas parecem um pouco confusas, principalmente para quem está começando a empreender.

Mas separar as contas de pessoa física e jurídica fazem toda a diferença no final do mês.

É normal querer ficar com todo dinheiro que entra do seu negócio ao longo do mês, mas isso com o tempo, não funciona e ainda pode ser decisivo para fechamento de portas, já que pode causar rombos irreversíveis ao seu negócio.

Por isso, busque ajuda e orientação com um contador, se for preciso, para entender melhor como ter um salário e não sufocar sua padaria.

 

Não subestime o planejamento financeiro

Essa dica também tem a ver com a forma com que você enxerga sua empresa.

Afinal, você precisa, mesmo que através de planilhas (se você se dá bem com elas) conseguir visualizar as entradas e saídas da sua empresa.

Só assim é possível entender como anda o seu negócio e como você pode otimizar seus processos e melhorar seus produtos para o seu público.

Um sistema de vendas pode te ajudar nessa hora, com controle de vendas, fluxo de caixa entre outras informações, você consegue ter um panorama mais abrangente sobre a sua empresa, e quais pontos precisam de mais atenção.

 

Esteja sempre atento ao seu maquinário.

No início, muitos empresários acabam optando por ferramentas mais acessíveis, que cabem no orçamento imediato para montagem de uma padaria.

Mas o ideal, é que com o tempo esse maquinário seja trocado por opções mais modernas, que tenham tecnologia para economizar o tempo e a mão de obra no preparo dos produtos do dia a dia.

Além disso, se seus equipamentos estão novos, é sempre bom separar uma parte do orçamento para revisões e manutenções periódicas.

Assim, você não só garante uma maior vida útil para seu maquinário, como tem a certeza que não vai ser surpreendido caso seja necessário a compra de outro de forma imediata.

 

Não pare de estudar

A vida do empreendedor de sucesso passa por um passo simples, mas que requer muita disciplina.

É preciso estudar constantemente.

E não estamos falando apenas de educação formal, como graduação e pós graduação, se esse for o seu desejo.

Educação engloba livros, cursos, workshop, palestras…

Tudo o que possa agregar conhecimento novo para o seu negócio é válido.

Você não precisa entender de todos os processos de marketing a fundo e saber todas as estratégias que podem ser utilizadas nos mais diversos ramos do comércio.

Mas é bom entender o suficiente para saber se o seu investimento em comunicação está valendo a pena.

Assim como, talvez você não saiba preparar um pão francês de forma exímia, mas saber identificar como ele precisa ser para ser considerado um pão de qualidade, isso você precisa.

Esses são apenas alguns exemplos para ilustrar o fato de que estudar não está ligado apenas ao formato tradicional.

É preciso se ter uma ideia um pouco mais ampla do seu negócio para que você consiga entender como gerir e o que pode ser melhorado dentro da sua empresa.

Esse é um dos passos importantes para o crescimento, estudo e planejamento.

 

Saiba colocar as pessoas corretas nas funções adequadas.

Por último, é preciso conhecer a sua equipe.

Se você tem 1 colaborador, mas esse não está na função que ele se destaca, você está desperdiçando tempo e dinheiro e vai ter muito mais trabalho do que imagina.

Por exemplo: talvez você tenha pensado em alguém para trabalhar como auxiliar na cozinha, e essa pessoa seja muito educada, comunicativa, carismática… Com o tempo você pode perceber que essa pessoa conversa muito na produção e atrapalha outros colegas de trabalho.

Mas se ela estivesse em uma posição de atendimento, por exemplo, talvez se saísse muito bem, já que tem facilidade de comunicação e carisma.

Saber onde alocar seus colaboradores é muito importante para o bom desempenho da empresa de forma geral.

Outro exemplo é: Talvez você seja um excelente padeiro, e entenda tudo de confeitaria e afins, e não tenha tanta habilidade com planilhas e orçamentos.

Você pode precisar de uma pessoa mais técnica para trabalhar com você, organizar e apresentar os números para que você possa tomar as melhores decisões, sem precisar abrir mão daquilo que realmente é sua maior habilidade.

 

Essas são dicas simples, que podem fazer muita diferença na sua empresa.

Espero que tenhamos ajudado com essas dicas simples!